Histórias encantadas de fadas baralhadas

a

Aproximava-se o dia do tão ansiado Concílio das Fadas, coisa que só acontecia de 12100 em 12100 anos, quando a Lua e o Sol se unem num forte abraço. As fadas andavam super atarefadas – poliam-se as varinhas mágicas, enlaçavam-se flores para coroas, abriam-se os baús dos fantásticos vestidos e reuniam-se ratos e abóboras para transformar em cavalos e carruagens, dignos de uma princesa.

Enquanto as fadas se preparavam para o Concílio, por cima das torres do Palácio de Jade, esvoaçava a Bruxa Estremaluxa, com a sua Coruja Sapuja e o Morcego Patego, que se esforçava para acompanhar a velocidade louca da Vassoura Bacouca.

in Histórias Encantadas de Fadas Baralhadas, Ana Mafalda Damião

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *